Notícias

Prefeitura e Cohapar licitam a construção de mais 141 casas populares para Prudentópolis.


Publicado em: 17/01/2019 08:41 | Fonte/Agência: prefeitura | Autor: prefeitura

 

Prefeitura e Cohapar licitam a construção de mais 141 casas populares para Prudentópolis.

 

Prefeitura e Cohapar  licitam  a construção de mais 141 casas populares para Prudentópolis.

Imóveis se dividem em 3 projetos distintos para o atendimento de famílias carentes e idosos do município. Investimentos chegam a R$ 14 milhões.
A cidade de Prudentópolis receberá a construção de mais três empreendimentos habitacionais voltados ao atendimento da população. 

REQUALIFICAÇÃO URBANA DA VILA SANTANA – Esse será o maior conjunto e é composto por 76 moradias da Vila Santana e atenderá famílias de baixa renda que já são cadastrados em outros projetos de assistência social na cidade. Além da construção das novas unidades, também estão previstas a reforma de 12 imóveis em condições degradadas e obras de infraestrutura e urbanização de uma região onde residem as 89 famílias.

Os recursos, estimados em aproximadamente R$ 7 milhões, são oriundos de financiamento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e serão usados na contratação de uma construtora para a execução das obras. Com os subsídios aplicados no projeto, o público atendido está isento de qualquer cobrança pelo serviço.

CONDOMÍNIO DO IDOSO – Esse projeto prevê a construção de um condomínio para cidadãos idosos de Prudentópolis, orçado em R$ 5 milhões. Serão 40 moradias, além de outras estruturas complementares, como espaços de atenção à saúde, acompanhamento social e lazer, cuja manutenção será feita em conjunto com técnicos 
municipais.

Poderão participar do processo pessoas solteiras ou casais com mais de 65 anos que possuam renda entre um e seis salários mínimos.
  CARTEIRA PRÓPRIA – Nesta modalidade serão construídas 25 casas com recursos próprios da COHAPAR  financiados diretamente aos beneficiários. Esse empreendimento será localizado próximo a Vila Iguaçú.
“O cadastramento será executado pela Prefeitura e a seleção será feita pelas equipes da Cohapar e prefeitura, com o intuito de dar prioridade para aqueles que mais precisam deste apoio”, relata o senhor José Vilmar Montani, responsável pelos programas. 
"Esses projetos serão importantes para abaixarmos a demanda de habitação do município.  Para chegarmos a esses número de casas tivemos participação efetivas do departamento de habitção e da Secretaria de Assistência Social que fazem um trabalho espetacular. E também ao bom relacionamento entre a prefeitura e a COHAPAR que resultaram na liberação desses projetos." Afirma o prefeito Adelmo Luiz Klosowski.
As licitações ocorreram entre novembro de 2018 e janeiro de 2019 e o início das obras também devem ocorrer em datas diferenciadas, porém todas terão inicio em breve.